Você Sabia?

Unhas encravadas. Como surgem e como evitá-las

Unhas encravadas machucam, e a dor aguda e a pressão que causam podem fazer com que cada passo seja insuportável, o que pode te forçar a não correr durante dias. Uma unha encravada ocorre quando o canto ou borda da unha – mais comumente o dedão do pé – colide ou irrita os tecidos moles adjacentes, resultando em uma inflamação dolorosa que pode perfurar a pele e causar infecção aguda. Encontramos dicas super legais onde você encontra tudo o que precisa saber sobre por que você tem unhas dos pés encravadas, como se livrar delas e como evitá-las para nunca mais perder um dia de treino.

O que causa unhas encravadas?

Embora pareçam surgir do nada, há algumas coisas que podem estimular uma unha encravada. As causas mais comuns incluem sapatos mal ajustados, muito apertados no dedo do pé – como os saltos altos no caso das mulheres, fazendo mais pressão na parte da frente do pé e empurrando os dedos até o final. As atividades físicas com pressão repetitiva da unha no tênis, como a corrida, ciclismo e outros esportes, pode também colocá-lo em risco de uma unha encravada.

Esse problema dolorido e chato também pode ser causado pela forma como o pé é moldado. Por exemplo, o formato do seu dedo do pé determina o crescimento das unhas, que pode criar unhas naturalmente curvas.

Tratamento de unha encravada

Existem algumas maneiras de aliviar os sintomas em casa. Água quente e massagem suave pode proporcionar alívio temporário do tecido inflamado. Você também pode tentar se livrar de uma unha encravada com um tratamento tópico. Medicamentos como uma pomada antibiótica tripla ou produtos de ácido salicílico, ajudam a amaciar a pele ou a unha. Mas atenção! Não espere muito se a sua unha encravada não mostrar sinais de cura depois de alguns dias de tratamento. Consulte um profissional para cuidados mais efetivos, se surgir pus ou vermelhidão brilhante na dobra da pele ou nos dedos do pé, ou se tiver sintomas de náusea, febre ou calafrios. O médico provavelmente irá drenar o pus da sua unha e prescrever antibióticos.

Os podólogos também concordam que não é aconselhável brincar de “médico do banheiro” e fazer sua própria “cirurgia” na unha encravada. “Cirurgia de banheiro”, ou escavação e corte repetitivos da unha, é altamente perigoso e pode piorar a unha encravada. Se você tem uma unha encravada recorrente, deve pensar em um procedimento menor que irá impedir de acontecer de forma frequente. A maneira mais segura de se livrar disso é fazendo com que um médico (podólogo) faça uma avulsão parcial da unha, onde o remédio é colocado sob a pele para evitar a recorrência, destruindo a unha onde ela cresce encravada.

Prevenção de unha encravada

A coisa mais importante que você pode fazer para impedir que as unhas encravadas aconteçam é usar sapatos e tênis que se encaixam perfeitamente no seu pé e meias que não apertam excessivamente os dedos. Cortar as unhas dos pés da maneira correta também pode ajudar a diminuir sua chance de ter uma unha encravada. Apare as unhas em linha reta, evitando ângulos. #BrasilRun

Fonte: Runner’s World

Clique aqui e leia também sobre cuidados com bolhas e outros machucados nas unhas.

 

Sobre o Autor

Equipe Brasil Run

Adicionar comentário

Clique aqui para comentar o post

Newsletter

Publicidade