Você Sabia?

Dicas para sua recuperação muscular ser mais rápida

Recuperação

Um treino pesado muitas vezes parece melhor depois que você termina. Mas os efeitos começam a parecer piores mesmo depois de algumas horas, quando você experimenta aquela dor que não dá para andar e começa a questionar se voltará a treinar assim novamente e se vai conseguir uma recuperação real. Essa dor pode durar dias, causar tensão muscular e, se você se exercitar de novo, pode causar danos musculares reais.

Então, o que você deve fazer quando está sempre dolorido, mas quer seguir com a sua rotina de exercícios? Bom, encontramos algumas dicas bem legais para acalmar os músculos danificados, reparar o tecido e aumentar o relaxamento e o fluxo sangüíneo. Elas vão acelerar sua recuperação e aliviar sua dor muscular, e levá-lo de volta às pistas mais cedo.

– Beber suco de cereja
O suco de cereja é há muito tempo valorizado por suas propriedades antioxidantes e pesquisas sugerem que ele pode reduzir a dor e a fraqueza muscular após uma intensa rotina de treino de força. Outro estudo sugere que um copo de suco de cereja azeda minimiza os sintomas de lesão muscular. Muitos acreditam que é por causa dos altos níveis de compostos polifenólicos, incluindo flavonóides e antocianinas, presentes no suco de cereja. Prepare e deixe-o pronto para quando você chegar em casa da academia ou da corrida.

Mas se isso parecer muito azedo, vá em busca de suco de melancia. O sabor é excelente e é um reabastecedor eletrolítico ideal após o treino. Um pequeno estudo sugere que beber 500 mL de suco de melancia após um treino intenso pode reduzir a dor muscular, ajudando na recuperação. A fruta é rica em um aminoácido chamado l-citrulina, que é conhecido por ajudar na dor muscular.

– Comer banana
Obter bastante potássio em sua dieta pode combater a desidratação e cãibras musculares no meio do treino. Enquanto ainda não se conclui se de fato o potássio irá prevenir a dor muscular, sabe-se que ele definitivamente impede a desidratação pós-treino que pode causar cãibras musculares severas. Recomenda-se 3500 mg de potássio por dia, por isso é essencial incluir alimentos ricos em potássio (como bananas) na dieta e conseguir a tão sonhada recuperação rápida dos músculos.

– Role nesse rolo!
Tire algum tempo para dar ao seu corpo um pouco de amor – o rolo de liberação miofascial pode quebrar a tensão nos músculos e combater a dor. Embora possa doer um pouco enquanto você está fazendo isso, aliviará a tensão, evitando futuros ferimentos e fazendo com que a recuperação do seu corpo seja mais eficaz. Para trabalhar intensamente em uma área específica use uma bola de tênis que ajuda também na liberação auto-miofascial nos nós dentro dos músculos. Aplicando pressão no nó, as fibras elásticas se movem de sua posição agrupada de volta ao seu verdadeiro alinhamento. Depois faça alongamento com posições corporais que ajudam a melhorar o alinhamento, restaurando padrões de movimento adequados.

O rolo de liberação miofascial também aumenta a flexibilidade e amplitude de movimento, melhora os desequilíbrios musculares, aumenta a circulação sanguínea e reduz o risco de lesões. Tudo o que você precisa para uma recuperação muscular completa.

– Transforme seu banho em tortura
Uma ótima maneira de aliviar os músculos doloridos é alternar entre temperaturas quentes e frias – o que você pode fazer facilmente no chuveiro. Estes banhos de contraste, onde você alterna a água super quente por 20 a 30 segundos, e depois a deixa tão fria quanto pode aguentar pelo mesmo tempo, vai combater a tensão e melhorar o fluxo sanguíneo. Fazer essas alternações por cerca de 10 rodadas será suficiente para ter um efeito na sua recuperação.

– Mergulhe em uma banheira com água quente e sal
Em geral, um banho quente pós-treino pode fazer você se sentir relaxado. As temperaturas quentes do banho puxam as toxinas para a superfície da pele. À medida que a temperatura da água começa a esfriar, as toxinas fluem para fora do corpo através da pele e para dentro da água. Além de liberar as toxinas do corpo, um banho acalma dores, melhora a circulação e relaxa a mente e o corpo. Ingredientes que são ótimos para adicionar aos seus banhos são bicarbonato de sódio, sal marinho ou sal do Himalaia, vinagre de maçã e óleo essencial.

Após o próximo treino de força intensa, encha a banheira com água quente (não quente) e despeje 2 xícaras de sal Epsom. Deixe pelo menos 15 a 20 minutos. Faça até 3 vezes por semana.

Consulte sempre especialistas e se sentir que seus treinos andam tirando muito da sua energia, é sempre bom dar um descanso maior para que a recuperação seja total, evitando lesões mais graves e maior tempo longe das pistas ou da academia.

Fonte: Men’s Health

Leia aqui também sobre a síndrome RED-S, que causa cansaço extremo e é super comum entre atletas.

Newsletter

Publicidade