Para as Meninas Você Sabia?

A corrida emagrece mesmo! Mas entenda como.

Que a corrida é ótima para quem quer emagrecer a gente sabe. Mas qual a real queima de caloria e como tirar o máximo dessa prática para chegar mais perto do peso ideal? Bom, saiba que queimamos cerca de 65 calorias por quilômetro (pessoas mais leves queimam um pouco menos), e pesquisas sérias sugerem que algo entre 40 e 45 minutos de exercícios um pouco mais intensos podem ser o suficiente para elevar as suas taxas metabólicas por até 14 horas após o término do treino. A intensidade varia de pessoa para pessoa mas, no geral, atingir essa meta de intensidade seria treinar em aproximadamente 75% da frequência cardíaca máxima, ou seja, forte o suficiente para dar uma boa suada e em um ritmo um pouco mais rápido que o das corridas confortáveis que você consegue colocar o papo em dia com seu parceiro de treino.

Com essas corridas mais intensas, você consegue não só atingir um gasto calórico pós-treino maior (emagrece mais mesmo), mas mantém também o estímulo no desenvolvimento das suas fibras musculares, que são as responsáveis pelo combustível utilizado nos seus exercícios. E um fato interessante é que quanto mais fibras musculares nós temos, mais calorias queimamos em qualquer atividade física, até mesmo trabalhando ou dormindo.

Mas, é preciso atenção! Aumentar a intensidade dos treinos não significa correr o mais rápido que puder todos os dias. Coração e pulmão se adaptam aos novos estímulos mais rapidamente que músculos, ossos e articulações, portanto, essa intensidade se tornaria rapidamente mais um treino rotineiro. Combine treinos mais pesados com dias de descanso e corridas mais fáceis para que o corpo consiga se adaptar e se fortalecer. Como já falamos anteriormente, nos dias de descanso de corrida, você não precisa ficar parado curtindo um sofá. Pode queimar calorias também fazendo atividades mais leves e complementares como dança, natação, yoga ou musculação, por exemplo.

O que você come antes de correr também é um fator importante quando se quer diminuir o número da balança. A ideia é ingerir apenas o suficiente para treinar e aproveitar ao máximo a perda calórica dessa atividade já intensa que é a corrida. Algumas opções sugeridas por nutricionistas são:

· Uma fruta (banana, maçã, pêra) de 30 a 45 minutos antes da corrida OU

· Três biscoitos salgados ou duas torradas de 20 a 30 minutos antes do exercício.

Depois, se você costuma treinar de manhã, pode tomar seu café da manhã habitual (saudável, claro) ou, para quem faz exercícios a tarde ou a noite, basta garantir que sua refeição contenha sempre alimentos integrais, proteínas magras ou vegetais e gorduras boas. #BrasilRun

Fonte: Boa Forma, Eu Atleta

Newsletter

Publicidade