Comer Bem

Pouco ou nenhum carboidrato pode encurtar sua vida.

Carboidrato
Carboidrato

Dietas com pouco carboidrato, como a Cetogênica, podem ser ótimas para perder peso, mas podem não ser tão boas para sua vida, de acordo com um novo estudo americano.

Os pesquisadores acompanharam 15.400 americanos durante um período de 25 anos para determinar os efeitos a longo prazo de comer (ou não comer) carboidratos – e descobriram que comedores de carboidratos moderados viveram até quatro anos mais do que os que optaram com um baixo consumo de carboidrato.

Mas calma! Antes de você mergulhar em uma piscina de espaguete, há um ponto importante: Comedores de carboidratos moderados também viveram um ano a mais do que pessoas que consumiram principalmente só alimentos com esse nutriente, o que significa que você também pode ter problemas se engordar com essas comidas ricas em amido.

Os pesquisadores acreditam que as pessoas com dietas baixas em carboidratos podem morrer mais cedo porque não estão comendo bastante frutas, vegetais e cereais integrais. Eles também podem comer mais carne, o que tem sido associado a um aumento do risco de câncer e morte prematura.

Em dois pontos ao longo do estudo de 25 anos, adultos entre 45 e 64 anos preencheram questionários sobre tudo o que comiam e bebiam, incluindo o tamanho das porções. Em seguida, os pesquisadores avaliaram as dietas dos participantes e as categorizaram com base em quantos carboidratos consumiram:

baixo = dietas constituídas por <40 por cento de carboidratos

moderados = dietas compostas de 50 por cento de carboidratos

elevados = dietas compostas de> 70 por cento de carboidratos

Após 25 anos, os pesquisadores analisaram os dados e determinaram que as pessoas que consumiam o nutriente viviam moderadamente por mais tempo.

Claro, este estudo tem suas falhas. Como os autores observam, os dados auto-relatados nem sempre são precisos, pois as pessoas podem não se lembrar de tudo que comeram. E este estudo simplesmente destaca os elos observacionais em vez de uma relação de causa e efeito.

O mais aconselhável sempre é que antes de fazer qualquer dieta, consulte um bom nutricionista e faça exames periódicos para checar como seu corpo anda reagindo ao que você coloca no prato. Cuide-se! #BrasilRun

Fonte: Men´s Health

Leia aqui também sobre a dieta Cetogênica e quais seus reais benefícios e cuidados.

Adicionar comentário

Clique aqui para comentar o post

Newsletter

Publicidade