Comer Bem Você Sabia?

Ovo. De vilão a essencial na dieta de um atleta

Fonte de proteína de alta qualidade e aminoácidos, o ovo é o multivitamínico, tem baixo custo e ainda atua na reconstrução muscular. Composto de vitaminas, proteínas, zinco, potássio, e muitas outros nutrientes essenciais, o ovo é um alimento com alto valor para a alimentação, ideal para complementar a dieta de atletas profissionais e esportistas amadores. Sendo uma ótima fonte de proteína, esta delícia está relacionada diretamente à construção muscular e auxilia as demandas do processo de recuperação, além de proporcionar energia para os treinos.

Por exemplo, a clara do ovo possui alta concentração de albumina, proteína responsável pelo desenvolvimento dos músculos. Já a gema também contém substâncias benéficas, como os aminoácidos essenciais, que proporcionam ganho de massa muscular e auxiliam na recuperação das fibras. Se ingerido logo pela manhã é uma excelente forma de abastecer o organismo com muitos nutrientes e evitar a ingestão de calorias em excesso – isso porque o alimento torna a digestão mais lenta e retarda a reação de fome no organismo. Pra quem busca o crescimento muscular, o ovo é também uma alternativa interessante de alimento para o corpo antes de dormir. Isso porque ele ajuda o organismo em seu processo anabólico e anti-catabólico, o que significa evitar a perda de massa magra, invertendo este processo e auxiliando o crescimento muscular.

Diferente do que muitos pensam se comer ovos inteiros, com a clara e a gema, estará consumindo um baixo índice calórico, com cerca de apenas 70 calorias por unidade. No entanto, a forma de preparação tem direta influência neste quesito. Omeletes, ovos cozidos e mexidos ainda são as melhores opções para que o nível calórico dos ovos não aumente, pois não fazem uso de óleos para a fritura, que aumentam sensivelmente as calorias ingeridas.

Mas o ovo também é muito eclético e serve bem a quem deseja perder peso. Apesar de a clara ser um alimento rico e essencial para quem se exercita, não é recomendável descartar a gema. Além disso, é comprovado que a quantidade de colesterol em qualquer alimento, incluindo o ovo, não tem impacto direto sobre o colesterol do sangue.

Somando a todos esses benefícios,tem também o valor baixo e alta acessibilidade. Com os altos preços de vitaminas em cápsulas e suplementações, fica complicado para muitos atletas amadores e praticantes de exercício conseguirem atingir seus objetivos nutricionais e físicos. É sempre recomendável consultar um especialista para descobrir qual a quantidade perfeita desse alimento para você e seguir uma dieta balanceada, ok? #BrasilRun

Fonte: Sport Life

Adicionar comentário

Clique aqui para comentar o post

Newsletter

Publicidade